11 agosto 2005

Muda de idéia

Sem perceber,
eu disse algumas coisas que nao devia dizer,
mas não pensei
que alguém fosse usar isso
pra machucar você...

Vejo nos seus olhos
algo novo e diferente;
penso em você,
que nunca sai da minha mente.

Afinidade é mais que um lance de amizade;
se eu te entendo agora,
vem comigo e vamos embora.

Muda de idéia,
não fica triste assim comigo, não.

Só por prazer,
a gente se cruzava,
mas fingia não se ver;
mais tarde é que eu fui perceber
que a gente se gostava
e preferia não saber.

Vejo nos seus olhos
algo novo e diferente,
penso em você,
que nunca sai da minha mente.

Quis te esquecer,
mas algo nos uniu de novo;
às vezes te quero,
às vezes te odeio tanto...

1984

Um comentário:

Sol disse...

Como é difícil lidar com tamanho sentimento.
Como é difícil qdo td se mistura,qdo o amor e ódio anda alí,lado a lado.
Vivo me perguntando pq e pra quê continuar vivendo isso,se me faz tão mal.
As vezes ñ precisamos de ninguém para nos ferir,nós mesmo fazemos isso,talvez por puro medo de mudar de idéia,por puro medo de recomeçar.
Queria muito viver algo novo,mas o velho ñ me sai dá mente.

Abraços a todos,
Sol.